janeiro 27, 2019

Sobre dar um tempo das redes sociais

by , in
O mundo anda muito moderno para alguém com a alma antiga feito eu...

Não me entendam mal. Sempre gostei de internet, tenho verdadeira paixão pelo o que as redes sociais podem fazer positivamente para as vidas das pessoas. 
Adoro o fato de podermos nos mostrar para o mundo e me anima a possibilidade de fazermos algum tipo de bem ou diferença quando usamos as ferramentas de maneira inteligente.

Com o tempo, as experiências e a maturidade que a vida vai nos presenteando, me vi em um lugar que não fazia mais tanto sentido assim pra mim. Talvez eu tenha mudado, talvez (muito provavelmente) eu não tenha mudado tanto assim, só que agora consigo enxergar velhos hábitos por uma nova perspectiva.

Resolvi dar um tempo do Instagram. Tô falando para as minhas amigas que é uma espécie de detox de mídias sociais. Eu respiro (respirava) a vida do Instagram. Nunca esqueci da vida real - que é mil vezes mais importante - mas comecei a sentir que estava perdendo meu tempo ficando conectada demais com o que eu queria postar e com o que as outras pessoas escolhiam postar. Sim, escolhas. Curioso, né?  Nós que escolhemos uma parte da nossa vida que seja instagramável para deixar exposto para todos e tomamos isso como realidade!

Comecei a me questionar. Aí já viu, né? Bombas para todos os lados. "O que eu estou fazendo?"; "Eu sou mais interessante que meu Instagram"; "Isso aqui não é tão real como parece ser", etc e tal. A gente acaba condicionando nossos pensamentos e nosso tempo livre em algo que não é concreto, em algo que nos afasta da experiência da vida de verdade.

Eu busco ser o mais real possível diante de todas as minhas ações e peculiaridades. Senti que o Instagram estava me atrapalhando. Minha própria ferramenta de estudo e trabalho! Que loucura.

Obviamente, esse hiato não vai durar muito tempo, até porquê estou falando do meu objeto de estudo e trabalho, porém, a partir de agora, vou saber conduzir essa relação de forma mais saudável, simplesmente porque percebi a diferença entre o valor real das coisas e a importância que você pode dar para algo só para preencher algum tipo de vazio, ou para fazer parte de um grupo.

Meu objetivo com esse post, além do desabafo, é alertar que sua vida real (estudos, trabalho, amigos, relações, família, prazeres e lazer) pode ser mais interessante do que a tela do celular, e que com certeza É mais importante do que a treta das celebridades, a gravidez da famosa, o carro caríssimo que o artista teen ganhou, os milhões de views no clipe sobre o tinder que seu cantor preferido faturou. 

Busquemos a profundidade em nós mesmos. E que as redes sociais nos acompanhem nesse processo, até porque nós somos as redes sociais.
Amém?
Vá por mim. Viva sua vida.
A real.

Autor desconhecido (Achei no Instagram rs antes de começar a detox!)

janeiro 22, 2019

Tour por Salvador, conheça o Pelourinho

by , in
Como boa baiana de Salvador, amo turistar na minha própria cidade. É muita história envolvida, lugares lindos e inspiradores para explorar! 

Nada melhor que conhecermos mais de nossas origens, né?

Há alguns dias, fiz uma mini tour com duas amigas, costumo fazer sempre com minha família: fomos nos Pelourinho e aproveitamos bastante a área das igrejas e da arquitetura no geral. 
Neste post, vou dar algumas dicas do que eu amo fazer quando estou no pelô (não canso!) para mostrar pra vocês que Salvador não é feita só de praia! 

Vamos nessa?

Ladeira do Pelô

Pra você que nunca foi, o Pelourinho é um sopro de cultura e de baianidade. É andar respirando história! Hoje vamos focar nas áreas comuns e nas igrejas que são minha paixão (não sou religiosa, mas amo mesmo assim!)

Como são muitas ladeiras, é legal ir confortável, com uma roupa fácil de se movimentar. Não esqueça o protetor solar e leve dinheiro para comprar souvenirs (tem muitas opções!).

Fundação Casa Jorge Amado

O Pelourinho não é grande e é super intuitivo. Você não precisa necessariamente de um guia para se localizar. Tem algumas ruas mais perigosas, mas dá para sentir a vibe, então é melhor nem entrar. Existem os pontos em comum onde o movimento de pessoas é maior, vá sem medo!

Essa área das duas primeiras fotos (acima) é a parte principal, a ladeira do pelô, onde Michael Jackson gravou o clipe na década de 90. É também onde fica a Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos.

Você vai ver muita gente dançando ao som dos tambores do Olodum, muitos vendedores autônomos te oferecendo coisas (quase um assédio, se não se interessar basta ignorar) e alguns hostels, centros de artesanatos e pequenos museus.

Venerável Ordem Terceira São Domingos Gusmão
Caminhando mais um pouco, à esquerda da Cantina da Lua (bom restaurante!), você avista a igreja de São Domingos (acima). Se olhar à direita, verá a primeira faculdade de medicina do Brasil (prédio rosé).


Agora vamos para a minha parte preferida! Desde criança, meus pais me trazem nessa área dessas duas igrejas em particular que mostrarei abaixo, para entender um pouco das raízes portuguesas (não só da minha família, como de todos nós brasileiros). 

Falando poeticamente, é olhar para trás para entender o presente e planejar o futuro. Nossas raízes têm esse poder!

Praça Anchieta/ Largo do Cruzeiro de São Francisco

Nessa área você também encontra sorveterias, barzinhos e restaurantes, além de outros serviços como dreads e tererês para cabelo.


Esta igreja ao fundo é a Igreja e Convento de São Francisco - Ordem Primeira (uma das minhas preferidas!!!), que tem o interior totalmente em ouro e espaços com os famosos azulejos azuis portugueses. Coisa mais linda! 

Para entrar, basta pagar uma taxa de 5 reais. Dessa vez não deu para entrar porque chegamos tarde (a última visita é às 16h30), mas voltarei em breve e mostro tudo pra vocês na parte 2 desse post! 


Em anexo à essa igreja, logo à esquerda temos uma outra que é minha preferida. Acho a arquitetura estonteante! É a Ordem Terceira do São Francisco que abriga itens portugueses raríssimos e um ossuário. EU AMO! Pura história! 

Você pode entrar por ela, ou pela anterior, a taxa é a mesma!

Igreja e Convento da Ordem Terceira de São Francisco
Esse lugar é demais!



Coisa linda, né? Mostro o interior dessas igrejas pra vocês muito em breve!



Continuando nossa caminhada, ao lado da Faculdade de Medicina, temos a Catedral Basílica de Salvador. Linda também! No momento que chegamos estava acontecendo um culto ecumênico. Aqui em Salvador você nunca se decepciona!

Catedral Basílica

À esquerda desta igreja, vamos em direção à Praça da Sé. Essa praça faz a ligação entre a Praça Municipal e o Terreiro de Jesus. Com surgimento na década de 30, depois da demolição de várias construções no local, hoje ainda é possível enxergar um antigo cine teatro e muito comércio de rua. 

A antiga Igreja da Sé foi demolida neste local, embora seja possível observar suas antigas fundações. Para honrar o que não existe mais,  foi criado o monumento da Cruz Caída em homenagem à igreja.

Cruz Caída

Para finalizar nosso passeio, no fim de tarde, vimos o por do sol no elevador lacerda! Fica bem ao lado desta praça que mostrei acima.

 
É a foto clichê de cartão postal mais bonita do Brasil!

Gostou de acompanhar a mini tour? Ficou com vontade de conhecer, né?
Esse post só foi uma prévia! Volto com mais pra vocês muito em breve.


Beijos!
janeiro 14, 2019

Modalissa 3 anos - Post comemorativo

by , in
Hoje o blog completa 3 anos! Yay!

Em janeiro de 2016, iniciei essa jornada de produção de conteúdo, autoconhecimento, responsabilidade de informação, extensão de pensamento, opinião e exposição no mundo virtual.

Tudo o que vocês veem aqui no blog e nas minhas outras plataformas digitais (instagram principalmente) é parte grande de quem eu sou na vida real. 

Aprendi tanto nesses últimos 3 anos, e o blog me ajudou bastante nisso. No post de hoje, vou contar um pouco pra vocês sobre minha vivência na internet e sobre o que eu aprendi e espero para o futuro. Para ilustrar, fiz duas montagens com momentos e conteúdos que são mais recorrentes por aqui.




Eu nasci em 1995, alguns anos depois quando a internet bombou, eu já estava lá (ou aqui) imersa naquele mundo de conexão discada, lenta, só para jogar no site da barbie e entender um pouco da vida social no orkut.

Paralelo a isso, os anos vieram, a tecnologia surpreendeu o mundo, e as mídias sociais apareceram para melhorar e atrapalhar nossa vida ao mesmo tempo. Mas o blog é uma realidade que me pertence há bastante tempo, já tive vários, mas o Modalissa é o mais próximo de mim, como vocês sabem e acompanham.

Meu objetivo sempre foi ter e mostrar a vida mais real possível. Dicas possíveis, looks possíveis, viagens possíveis, reflexões e crônicas possíveis. É a vida de mentira que mexe negativamente com a vida das pessoas, então let's keep it real, right?!

Sendo hobby ou profissão, o blog já me ensinou a ser mais leal a quem eu sou e ao conteúdo que eu gosto de mostrar, me ensinou a lidar com pessoas, a alcançar um certo grau de maturidade, a entender e a respeitar a opinião do outro e a entender que tudo muda o tempo todo, mas a essência do que é importante sempre fica.



A parte mais motivadora de ter um blog com um alcance legal, é saber que de fato eu influencio pessoas. Faço gente pensar, refletir, se divertir. Olha só que mágico! Esse é o papel do comunicador: prender a atenção das pessoas utilizando-se da relevância.

E o tanto que eu sei hoje em dia sobre internet, sem falsas modéstias, não está no gibi! Além de estar fazendo pós-graduação em mídias sociais, atualmente consigo entender e saber onde eu me encaixo ou não nesse mundo interminável de likes, comentários, reposts, fake news, fotos photoshopadas, etc e tal.

A internet me ensinou que gente é gente em qualquer lugar e existe o bom e o cruel. Também me ensinou a ser mais crítica e a fazer a autocrítica. Vou sempre escolher a positividade, espalhar coisa boa, porque chega de coisa ruim, né? 
Também percebi que o "vício" é péssimo! A quantidade de informação fútil e coisas sem sentido que vemos por aqui também é enorme, é preciso saber filtrar e não acreditar em cada palavrinha a que temos acesso, nem a transformar telas de computador/celular em nossas vidas reais.



Outra coisa importante é o bem que certos conteúdos podem fazer às pessoas. Podemos mudar dias e até vidas de gente que nunca veremos na vida, tudo isso por meio de palavras. Lindo, né? Também podemos ficar tristes, nos compararmos e cairmos em um poço sem fundo. Nunca culpe as ferramentas, culpe os mensageiros. É a gente aqui que faz desse mundo uma coisa boa ou ruim! Acredito que o equilíbrio seja a chave de tudo.

Hoje consigo produzir, me animar, trabalhar com as plataformas digitais sem esquecer que minha vida de verdade acontece fora das telas, ao vivo e a cores. Aprendi que posso sim fazer algum tipo de diferença no mundo a partir da internet, e que interagir com o próximo faz muito bem quando temos  e nos rodeamos de respeito, paz e energias do bem.

Vamos em frente? Conto com vocês para mais um ano de blog!
Beijocas!
janeiro 10, 2019

No provador da Renner!

by , in
2 garimpos no mesmo mês? Temos! É verão e é hora de se jogar no estilo!
Fui na Renner e montei looks lindos, inspiradores e super possíveis para você. Vamos ver?



Vamos começar com uma composição Boho, além de estilo traz conforto e personalidade. Amo compor cropped com saia midi ou longa, acho um charme!


Essas peças fazem parte da nova coleção de verão da Renner, que está apostando em estampas com fundos mais escuros. Preto no verão, porque não?
O cropped tava R$39,90 e a saia R$119,90

Vamos para uma opção ainda mais leve, com o bom e velho short jeans:



A bata morcedo/borboleta (R$79,90) valoriza bastante o colo, amei a estampa mais alegre! E a lavagem do short (R$89,90)  traz uma pegada mais moderninha e jovem para o look.

Já notei que desde o início do mês, as araras estão cheias de peças com listras. Verão diferente esse na moda, né? Escolhi um vestidinho leve lindo que tava R$79,90.


Meu look preferido desse garimpo é o que vem a seguir. Comecei a gostar muito de vestir body, acho que super valoriza, e também amei a saia mais estruturada:



Lindo, né? Body R$59,90; Saia R$139,90

O último look é mais trendy. Escolhi um cropped com mangas flare que tava na promoção e finalizei com uma minissaia jeans escura:


A blusa tava R$39,90 e a saia R$79,90.
Gostaram das inspirações de hoje? Todos esses looks foram garimpados na Renner do Salvador Shopping!

Espero vocês com muito mais no meu Instagram @alissamagalhaes

Beijo!
janeiro 06, 2019

No provador - 1º garimpo de verão do ano

by , in
Olá ano novo!!! 

Estamos em 2019 e em janeiro, mês do 3º aniversário do blog! Massa, né?
Já estou há 3 anos por aqui com muito amor e inspiração, criando conteúdo legal pra você aí do outro lado da tela.

Neste mês comemorativo, iremos ter vários posts legais! Hoje é dia de me acompanhar no provador da Marisa! Montei vários looks inspiradores e espero que vocês gostem. Simbora?



Para o primeiro look, escolhi um vestido midi de listras verticais (tendência que alonga a silhueta da baixinha aqui) com cores amigas, tons de azul e branco:


Achei esse vestido a cara do passeio de verão na Grécia hahaha Super chic e elegante! Além de confortável, ele tem um estilo particular e traz uma feminilidade que eu adorei. Tava R$89,90.

Agora na sessão de moda praia, encontrei um maiô que também pode ser body, em cores e modelagem lindas!


Por R$99,90, achei esse maiô bem moderno e super valorizou meu corpo!

Agora vamos para um look girlie, a cara do verão, leve e muito bem pensado!


Verde é uma cor que gosto muito, principalmente em tons escuros, mais sóbrios. Escolhi uma regata delicada (R$39,90) e compus com uma saia de comprimento midi com listras verticais (de novo, alerta tendência!) que estava por R$89,90. Eu adorei o resultado!

Outra coisa que não pode faltar em um garimpo de verão são os vestidinhos frescos, né? Escolhi um ombro a ombro (amo!) preto com estampa de cerejas, a coisa mais fofa, R$49,90.



De volta à sessão moda-praia, achei um biquíni lindo, estampa viva e com modelagem bem valorizadora! 


Cada peça estava por R$39,90, total R$79,80. Que tal?

Por último, montei um look fofo, com cores candy e estampas singelas, porque tem dias que a gente quer se sentir mais menininha, né?


A blusa em algodão, com estampa de libélulas e borboletas estava R$25,99 e a saia rosa candy R$79,95. Gostam?

E esse foi o primeiro garimpo do ano/mês, teremos mais um ao longo da próxima semana, fiquem ligadas!
Se quiserem acompanhar o movimento desses looks em vídeo, está tudo gravado nos meus Destaques do stories em "No Provador" no meu Instagram @alissamagalhaes

Beijos!