13 Reasons Why, Bullying e Suicídio - Precisamos falar sobre isso

13 Reasons Why, série original da Netflix que trouxe temas como abuso psicológico, bullying e suicídio entre os adolescentes, veio para chocar, mas principalmente para alertar. 

No post de hoje falo sobre a série sem spoilers, sobre o que sei de bullying e como precisamos conhecer e debater, para só depois julgar e ajudar.

Foto: MoviePilot
Primeiro de tudo, 13 Reasons Why é o tipo de série que tem que ser assistida. Por todo mundo. É daquelas que te assustam, te fazem ter sentimentos avessos, tensões, mas no fim te trazem um grande conhecimento, curiosidade, constatações e aprendizados sobre a vida de quem está amadurecendo.

Talvez, as pessoas um pouco mais velhas não acreditem na questão do "sofrer bullying", porque ser chamado de "muito alto, muito baixo, gordo, magro, piranha,etc" na sua época era tido como normal e não como um problema. A questão é que o mundo hoje é outro e a gente precisa evoluir junto. Bullying pode matar.

Eu tinha 12 anos quando sofri bullying, estava na 6ª série e um grupo de garotas da minha sala na escola não gostava de mim e na época fizeram coisas como sentar atrás de mim pra tentar cortar meu cabelo, fizeram comunidade no orkut dizendo que me odiavam, etc. Isso nunca me abalou verdadeiramente porque eu tinha apoio em casa, tinha meu grupo de amigas e estava mais interessada em estar com elas e em ser popular no colégio (metida ela!). E aí, bastou uma reclamação na coordenação que tudo foi "mascarado" e tive um pedido de desculpas público.

Isso não me trouxe negatividade na vida, mas poderia ter trazido. Adolescentes estão em pleno processo de transição e formação de identidade e a cabeça às vezes tende a ser mais fraca, e com cabeça fraca as decisões não são as ideais. 

A série mostra tudo o que acontece no mundo dos adolescentes, como cada um pensa e como é possível que os pais estejam alheios a tudo. O que ela me trouxe de ensinamento, é que todos nós precisamos estar atentos ao que acontece e não ignorar estranhezas no comportamento das pessoas próximas. Todo mundo tem problemas, mas é a maneira de lidar com o problema que diferencia cada um. E a gente sabe, né? Ser adolescente não é fácil pra ninguém.

Quem passa por bullying e rejeição pode desenvolver doenças como depressão, síndrome do pânico, etc. A questão é que esses adolescentes devem ter ajuda profissional, mas sempre muita conversa e diálogo na família, acompanhamento na escola e principalmente boas pessoas ao redor que se disponham a ouvir. Um bom ouvido pode salvar alguém, mostrar que se importa com o próximo faz a diferença, sempre!

Em vez de criticarmos a série, vamos olhar mais para o outro e para os lados para tentarmos ajudar. Bullying pode ser algo tão sério com tantos desdobramentos que se transforma em suicídio como a série 13 Reasons Why nos mostra. Informação é tudo!

4 comentários:

  1. Não assisti o 13 reasons why, acho que pra mim iria ser um gatilho, mas tem outra série que o assunto é tão relevante (que é um desses porquês pra muita gente) que é o Dear, white people! Muito bom e fala do racismo velado e também escancarando! Recomendo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Isa! Louca pra assistir Dear, White People! Super importante assistir, se entreter e discutir assuntos relevantes, né? Obrigada pelo comentário! Mil beijos

      Excluir
  2. Não assisti o 13 reasons why, acho que pra mim iria ser um gatilho, mas tem outra série que o assunto é tão relevante (que é um desses porquês pra muita gente) que é o Dear, white people! Muito bom e fala do racismo velado e também escancarando! Recomendo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza, se você sente que seria um gatilho, não assista mesmo não! Essa série é muito forte! Beijos

      Excluir