abril 28, 2019

Inspire-se com os melhores looks de garimpo do mês

by , in
Abril já está no fim e posso dizer que foi um mês daqueles! Produzi bastante por aqui, os posts renderam muito! Sensação de orgulho, sabe?

Por isso, trouxe hoje um compilado dos melhores looks de garimpo do mês. Selecionei as composições que ganharam mais votos de vocês nas enquetes dos stories no quadro "No Provador" que tenho lá no meu instagram.

Vamos começar com esses looks da C&A? A Fast Fashion está se reinventando a cada coleção com muito estilo e versatilidade.


A calça Carrot (verde militar, primeira foto R$119,90) e a calça Clochard (jeans, terceira foto, R$109,90) estão completamente em alta na temporada outono-inverno e posso apostar com vocês que elas vão permanecer, porque são despojadas, elegantes e confortáveis. O vestido longo também é um must-have, com modelagem valorizadora e estampa linda! (R$159,90)

Outras tendências que estão fortes são o blazer, o vintage e a calça pantacourt:


A Marisa tem investido em muitas peças laborais e tecidos e malhas de mais qualidade. O blazer azul escuro (R$119,90) desse look dia a dia diz tudo, né?

Já o look mais menininha da segunda foto (C&A) traz o cropped com botões, estilo vintage. Finalizei com um short saia floral.

O terceiro look, da Marisa, é cheio de tendência. Cropped morcego e calça pantacourt estampada em malha, ar moderninho, cheio de estilo.


Wrap Dress, listras, flare, ombro a ombro e vintage de novo. Tendências que eu AMO!


O vestido midi envelope da primeira foto (Renner, R$139,90) é super feminino, valoriza a cintura, traz um ar de leveza e conforto. Ideal para inúmeras ocasiões!

Já o look do meio (Marisa), traz uma bata ombro a ombro (valoriza o colo) com listras verticais (alongam a silhueta) e eu finalizei com a calça flare branca de cintura alta. Look casual e chic!

No terceiro (Renner), temos uma composição mais jovial, com uma malha mais pesadinha preta. Compus com a saia vintage (olha os botões aí de novo!). Efeito fofo, né?

Agora vamos para 3 looks que valorizam MUITO a silhueta:


Mais um Wrap Dress, dessa vez curto, da C&A. Fiquei apaixonada nesse vestido. Tem um decote lindo, comprimento perfeito, leve e confortável em um grau que dá vontade de vestir essa belezinha pra sempre! R$109,90.

O segundo parece ser um macacão, né? Na verdade, é um body + Calça Flare de malha da Renner. O body tem um decote coração que deixa o colo bem feminino e a calça flare com essa abertura que eu amo me deixa alta e muito elegante. Me senti um mulherão! É o que dizem: Uma coisa é você. Outra coisa é você de roupa preta. É ou não é?

Por fim, nessa levada, temos esse vestido midi pretinho básico, mas ainda cheio de personalidade com os botões dourados (a trend retrô/vintage tá com tudo sim!!!). Ganhei de uma loja parceira daqui de Salvador, e ele super valorizou meu corpo. Que tal?

Agora vamos para os últimos 3 looks:


Azul escuro é uma cor que eu amo por ser sóbria e fina ao mesmo tempo. Esse midi com decote cruzado é ideal para o ambiente laboral (The Store R$50).

Macaquinho elegante, composto, preto e branco e de gola alta: é finesse que você quer? Então tá aqui! (Renner R$99,90)

E por último, temos um macaquinho com modelagem mais solta que até imita um vestido. De novo um tom escuro de azul para apaixonar nossos corações! Lindo, né? (C&A R$79,90)


Gostaram dos looks do mês de abril?
Maio já está chegando com tudo!
Fiquem ligadas aqui e lá no meu instagram @alissamagalhaes onde eu posto sempre um "No Provador" para inspirar vocês!

Até mais, beijos!
abril 26, 2019

Você conhece o movimento Slow Beauty?

by , in
O universo feminino é único e se reinventa a cada instante. Ultimamente, não tenho só falado por aqui sobre a temática da beleza física e transitória. Conversamos em um post de março sobre beleza inteligente e tive um feedback maravilhoso de vocês! Pensando nisso, hoje trouxe mais informação. Será que você já ouviu falar no movimento Slow Beauty?

Nascido nos Estados Unidos, o Slow Beauty funciona como uma filosofia, um estilo de vida. É a prática de diminuir o uso dos produtos cosméticos industrializados e focar mais na beleza natural e interior.

Em vez de seguir rotinas de rituais de beleza, a qualidade de vida se torna o motivo de celebração. Em vez de comprar produtos caríssimos e e tradicionais do mercado, opta-se pelo consumo consciente: cosméticos orgânicos.

Não é sobre ser descuidada com a própria aparência, é sobre trabalhar o bem-estar e a saúde e se afastar de tantas substâncias químicas.


Sabe o que a gente ganha aderindo, ou pelo menos, conhecendo melhor esse movimento?

- Ficamos cientes da composição da maquiagem e dos outros produtos que costumamos usar. Não é meio doido como a gente nem sabe direito o que consome? Do que é feito, de onde vem...
- Ajudamos o meio ambiente com a prática do consumo inteligente. E evitamos o desperdício! Afinal, sempre compramos algum produto que acabamos sem usar até o final.
- Praticamos o auto-conhecimento, a autoestima, começamos a intensificar nossa relação com quem de fato somos.
- Diminuímos a quantidade de ingestão e absorção de substâncias químicas no nosso corpo
- Vivemos a plenitude do autocuidado, sem pressa, aprendemos a respeitar nosso próprio tempo e temos mais liberdade na hora de exercitar nosso bem-estar.

Eu acho o máximo que essa onda de consciência esteja chegando forte nos mercados de moda e beleza. Confesso que não conseguiria ser 100% adepta ao movimento Slow Beauty, mas de uma certa forma, ele já me inspirou e mudou algumas coisas importantes no meu dia a dia. Agora, antes de comprar qualquer coisa, não só pesquiso sobre do que é feito o produto, também penso se preciso mesmo daquilo pra mim. Consumo consciente e cabeça informada? Temos!

Gostou das informações? Acha que consegue experimentar esse estilo de vida?
Conta pra mim!
Vejo vocês com mais conteúdo no instagram @alissamagalhaes

Beijos!


abril 22, 2019

Como anda a sua saúde mental nas redes sociais?

by , in
Você já se sentiu mal durante ou depois de estar com os olhos e mente atentos ao Instagram? 
Não é mal de dor de cabeça por estar horas a fio com a retina vidrada no celular. É mal por ter acesso a várias vidas aparentemente impecáveis, fotos perfeitas, informações, comentários e distrações que te causam ansiedade, tristeza, angústia, e tantos outros sentimentos negativos...

Não é a primeira vez que venho aqui falar sobre o poder das redes sociais. É claro que tudo nessa vida tem o lado positivo e o lado descartável. Como estudiosa (e apaixonada) por mídias sociais, não posso deixar nada passar, inclusive o ruim.

Quantas notícias de suicídio, depressão e casos de ansiedade temos acompanhado ultimamente? Vocês já pararam para pensar que muitas dessas pessoas que sofrem, são jovens e estão mergulhadas nesse mundo virtual?



Selecionei alguns fatos, obtidos por meio de estudos europeus, para refletirmos sobre as redes sociais e nossa saúde mental:

- O Instagram é a rede social que mais atinge o psicológico de pessoas jovens.
- Distúrbios do sono e imagem, FOMO (medo de ficar de fora ou perder algo), bullying e solidão são causas e consequências do exagero no consumo das redes sociais.
- O usuário passivo (que não produz conteúdo, só consome) tende a ter mais problemas de ansiedade do que quem trabalha com mídias sociais.
- O brasileiro é campeão mundial em tempo gasto nas redes sociais; são 650 horas mensais.
- As mídias sociais não são o problema, e sim a quantidade de tempo e como são utilizadas. Podem ser ferramentas positivas para suporte social, trabalhos, estudos, informação e conhecimento ou gatilhos para a depressão, síndrome do pânico, entre outras doenças.

Algumas dicas para melhorar sua relação com as redes e com você mesmo:

- Fique alerta à dependência. A internet e as redes sociais funcionam como extensão e ferramenta e não como vida real e principal.
- Meça seu tempo conectado, nunca ultrapasse mais de 2 horas por dia sem necessidade. Rever nossos hábitos e fazer escolhas inteligentes nos torna mais fortes e donos de nossas vidas.
- Organize seu tempo para produzir, não desperdice fazendo nada, rolando o feed do instagram ou facebook,
- Procure tratamento! Um psicólogo e/ou psiquiatra são aliados para nossa saúde. Terapia ajuda em tudo na vida, inclusive na raíz da sua ansiedade.
- Somos TODOS pessoas diferentes. Não se compare, não se diminua. Procure admirar o outro, e se valorizar, investir em você mesmo, para encontrar a satisfação e realização pessoal. Não devemos medir nossas vitórias e nosso caminho visando a jornada de outra pessoa.

Moderação é a chave de tudo. Não dá pra esquecer que o mundo está mudando meteoricamente, mas não podemos perder nosso equilíbrio, nossa essência e o que de fato achamos importante. As relações interpessoais, os momentos com amigos, família, o lazer, trabalho, estudos... tudo isso conforta mais a alma do que a tela do celular.

Gostaram do post?
Vamos cuidar das nossas mentes e utilizar as redes sociais só para fins positivos! Combinado?
Beijos
@alissamagalhaes
abril 15, 2019

Seja um voluntário! Conheça grupos e causas em Salvador

by , in
Já pensou em fazer trabalho voluntário? Além de melhorar nossas aptidões, oportunidades e currículo profissional, o voluntariado  traz vivência, experiências e evolução para todo ser humano.

Depois de muita conversa com responsáveis por grupos, e muita pesquisa por diversas causas, fiz uma lista de ações voluntárias aqui em Salvador para auxiliar quem quer ser um voluntário, mas ainda não sabe por onde começar! 
Tem ações para idosos, moradores de rua, crianças,  animais, deficientes, hospitais, distribuição de alimentos e muito mais para gente se inspirar e sair por aí ajudando o próximo!


01 - Salvador 1kg de Esperança
Instagram @salvador1kgdeesperanca

O "Salvador 1kg de Esperança" é um projeto que visa doar alimentos nas regiões/bairros carentes de Salvador e região metropolitana. As campanhas são elaboradas com os voluntários mensalmente, e após estudo prévio do local escolhido, a ação é realizada. 
A ideia é levar alimentação, e também esperança à população que vive em situação de vulnerabilidade social. 

O grupo não tem ligação com política, partidos ou religiões. O que existe é uma imensa vontade de ajudar o próximo!


02 - Educriart

O projeto começou como um trabalho acadêmico de 4 colegas de faculdade e acabou se tornando um propósito de vida. 
Educriart é a junção de: Educação, Criação e Arte. O projeto é voltado para crianças que vivem em lares de acolhimento, e a principal motivação é educar e criar arte por meio de atividades lúdicas. A ideia é resgatar a infância, com brincadeiras e atividades que foram se perdendo devido à tecnologia. Por isso, o único aparelho utilizado nas ações é o rádio. Olha que legal!

Não existem fins lucrativos, o objetivo é totalmente filantrópico. As ações cada vez estão se ampliando, não só para ajudar crianças com atividades e doações, mas também pessoas necessitadas em geral! Novos voluntários que queiram se juntar ao projeto devem entrar em contato pelo Direct do perfil do instagram.


03 - Martagão Gesteira

O Hospital da Criança tem um programa de voluntariado para garantir a saúde de crianças e adolescentes que permite várias atividades:
- Recreação com as crianças
- Bazar
- Grupo de acolhimento para os acompanhantes
- Oficina de artesanato
Entre muitos outros;

Para se cadastrar voluntário é só clicar nesse link.

04 - Cidade da Luz

A Cidade da Luz preza o caminho da solidariedade e caridade, também por meio do trabalho voluntário. O espaço é um complexo multidisciplinar de ajuda ao próximo, sem fins lucrativos, que desenvolve o social e o religioso. Idealizada por José Medrado (líder espírita baiano que admiro muito), a instituição ajuda crianças, adolescentes, famílias e pessoas que vivem em situações de vulnerabilidade por meio de doações, atividades culturais e serviços essenciais.

Seja um voluntário clicando nesse link.

05 - GAAC

O Grupo de Apoio à Criança com Câncer recruta voluntários para ações recreativas e de formação com as crianças. Para ser voluntário basta acessar o link.
Doações em: (71) 3399-2020

06 - For Pet Salvador

É um projeto que ajuda animais por meio de doações, divulgação de adoções responsáveis e arrecadação de roupas para vendas em brechó online. O lucro vai para a manutenção no lar temporário dos animais que aguardam adoção e outros animais de terceiros, que o grupo ajuda com castração, vacinação e consultas veterinárias.





07 - Obras Sociais Irmã Dulce

O grupo atende à população carente por meio da arrecadação de donativos e visitas à creches, asilos, presídios e hospitais. Para fazer parte das ações de voluntariado basta enviar um email para voluntariado@irmadulce.org.br

08 - NACCI

O Núcleo de Combate ao Câncer Infatil promove ações educativas, oficinas, apoio a pacientes e educação. (71) 3322-4198

09 - APAE Salvador

A Associação de Pais e Filhos Excepcionais é uma organização sem fins lucrativos, que tem como objetivo ajudar pessoas com deficiência intelectual. Todos os recursos arrecadas são revertidos para o atendimento à pessoa deficiente carente. Ajude nesse link ou mande um email para voluntariado@apaesalvador.org.br ou ligue (71) 3270 - 8354

10 - TETO Brasil

A TETO é uma organização internacional que promove a construção de moradias para pessoas carentes que vivem à margem das capitais e regiões metropolitanas de grandes centros urbanos. Eu já fui voluntária por um tempo e achei super interessante as ações que eles promovem. Para se inscrever mande um email para familias.ba@teto.org.br



Esse post foi inspirador? 
Qualquer coisa ou dúvida, é só dar uma pesquisada no Google para achar mais informações e causas que combinem com você!
Vamos ajudar, a vida faz mais sentido assim!

Vejo vocês com mais no Instagram,
Beijos!



abril 09, 2019

Inspire-se em séries para montar seus looks

by , in
Sabe quando você acha que não tem o que vestir e precisa de uma inspiração para montar looks com o que tem no armário? É verdade que o Google ajuda muito nessas horas, mas nada melhor que assistir séries de televisão que tragam centenas de referências da moda e ainda, de quebra, ótimas histórias, né não?

Pensando nisso trouxe pra vocês algumas dicas de séries fashionistas para vocês se distraírem e se inspirarem no tempo livre!


1 - Gossip Girl

A série mais fashionista de todos os tempos traz milhares de looks de personagens icônicos, para várias ocasiões, desde uma ida às compras até um baile de gala! A cada episódio, temos referências super ricas do mundo fashion e muito conhecimento para absorver.



2 - Friends

Os anos 90 estão voltando com tudo! Principalmente nas modelagens das calças e nas peças jeans. Nada mais relax e estiloso que os looks de Rachel e Monica, né? E vamos combinar, Friends é a melhor série de comédia de todas (jornalista imparcial kkk).



3 - Pretty Little Liars

É bem verdade que eu precisei assistir as 7 temporadas duas vezes para entender todas as entrelinhas das tramas, mas a cada episódio dava para tirar uma lição fashion!



4 - Sex and the City

Por último, mas não menos importante, temos as precursoras da moda novaiorquina da tv mundial. O que são os looks chamativos de Carrie e a classe maravilhosa de Charlotte? Adoro!



Gostaram?
Qual série vocês adicionariam nessa lista? Me contem!

Beijos fashionistas!
abril 04, 2019

Como organizar o armário

by , in
O post de hoje é de utilidade pública para nós, fashionistas, mulheres organizadas, e que sabemos onde encontrar tudo o que temos no nosso guarda-roupa... só que não!

Confesso que sou aquele tipo de pessoa (des)organizada, me encontro na minha própria bagunça, sabe como é? Porém, meus ascendente e marte em virgem não me permitem viver no caos, portanto, trago comigo várias dicas funcionais para ajudar na organização do meu armário. E é óbvio que eu trouxe tudo pra vocês!


1º - Deixe ao seu alcance tudo o que mais utiliza no seu dia a dia

Eu tenho muita coisa! Mas só disponibilizo por perto o que realmente uso. A primeira pergunta que você deve se fazer é: Tal coisa me fará falta se não estiver aqui? E pronto. Você tem sua resposta!

Organizadores (os meus são da Le Biscuit) ajudam muito na hora de arrumar os shampoos, hidratantes e cosméticos que não são possíveis de serem deixados no banheiro. Também deixo próximo itens de unha, óculos escuros que uso mais, fone de ouvido, prancha e secador. Cotidiano mesmo!

2º - Divida suas roupas de forma inteligente 


Minhas cores preferidas de roupa são branco e preto, por isso, disponibilizo duas gavetas só para peças dessas cores. Facilita MUITO a vida quando estou na pressa para montar um look! 
Outra dica preciosa é guardar as roupas mais finas e que vestimos menos, em saquinhos plásticos transparentes, como os que dá para ver na gaveta preta. Conserva que é uma beleza! E não suja fácil, por não ter contato direto com os outros itens.

3º - Como organizar os cabides

Gosto de organizar os cabides de maneira coesa, peças "iguais" em cada um. Divido cada cabide assim:

- Vestidos casuais
- Calça jeans flare
- Calça jeans skinny
- Casacos e Jaquetas
- Shorts e saias jeans
- Saias estampadas
- Roupa de academia
- Shorts de alfaiataria
- Saias longas

O restante divido nas gavetas:

- Gaveta dos estampados (vestidos longos, curtos, blusas, macaquinhos)
- Blusas de cores
- Peças brancas
- Peças pretas
- Saltos e plataformas
- Rasteiras e sapatilhas




4º - Outros acessórios

Bolsas são meus acessórios preferidos. Tenho um espaço disponível no armário apenas para elas! E deixo sempre na frente os 5 modelos que uso mais!

Obviamente as alças não ficam para fora, foi só para fazer a foto!

A dica principal é você conhecer o que veste mais e saber deixar as roupas  parecidas arrumadas juntas, dessa forma, quando você pensar em montar um look, já sabe onde encontrar tal peça e não perde muito tempo!

Gostaram?
Me contem o que vocês querem ver mais por aqui e no meu instagram @alissamagalhaes

Beijos organizados!